Quatro estratégias para ajudar no sucesso da sala de aula bilíngue

Muitas escolas bilíngues têm ampliado e incrementado a gama de serviços educacionais que oferecem por todo o Brasil. O que muitas instituições e professores não sabem é que há algumas estratégias simples que podem ser adotadas dentro da sala de aula que são bastante favoráveis ao sucesso do ensino blíngue.

Saiba quais são e como implementar métodos para o ensino de uma segunda língua no contexto da sala de aula bilíngue. Lembrando que os recursos mencionados visam o uso e a prática do segundo idioma, e devem ser sistematicamente conduzidos por meio dele.

Equitable Interaction (Interações Equitativas)

Definição: Promoção de interações justas e equilibradas na sala de aula, garantindo o direito de participação a todos os alunos e promovendo um ambiente acadêmico confortável e seguro.

Como empregar: Converse com seus alunos sobre regras básicas para participação em sala, sobre respeito a ideias e opiniões divergentes, sobre valorizar e honrar as diferenças culturais e linguísticas no espaço e nos momentos de aprendizagem.

Por quê?: Todos os alunos devem se sentir à vontade no ambiente escolar. Ao garantir interações equitativas, você assegura não só a participação ativa dos alunos mais espontâneos e extrovertidos, mas também daqueles que são mais tímidos, receosos e introvertidos.

Targeted and Varied Teaching Techniques (Técnicas de Instrução Variadas e Focadas)

Definição: Utilização de diferentes técnicas de instrução que atendam aos alunos com diferentes estilos de aprendizagem presentes na sala de aula.
Como empregar: Diversifique as estratégias utilizadas na sua aula – procure, para a instrução de um mesmo assunto, oferecer recursos visuais, auditivos e sensoriais.
Por quê?: Ao explorar o conteúdo com diferentes meios, a chance de você atingir com eficácia um maior número de alunos aumenta. Lembrando que na sala de aula temos alunos que apresentam diferentes estilos de aprendizagem.

Student-Centered Teaching and Learning (Instrução e Aprendizagem Centrados no Aluno)

Definição: O foco do ensino e da aprendizagem são os alunos e os seus interesses. Na sala de aula bilíngue, o professor deve levar em consideração as diferenças culturais e linguísticas entre os alunos.

Como empregar: Ao preparar seu planejamento, leve em consideração as experiências e o conhecimento prévios dos alunos. Inclua as características específicas dessas culturas na sua aula, sempre incorporando a diversidade.

Por quê?: Além de valorizar a diversidade cultural e linguística na sala de aula, isso ajuda a enriquecer o repertório dos alunos. O contexto escolar, como resultado, torna-se um ambiente saudável e seguro, ao qual todos se sentem pertencentes.

Sharing Among Learners (Compartilhamento entre os Alunos)

Definição: Oportunidades para que haja o compartilhamento de opiniões, ideias, hipóteses e experiências entre os alunos e momentos de aprendizagem cooperativa, em que alunos são agrupados e trabalham em uma atividade ou projeto com um objetivo em comum.

Como empregar: Ofereça possibilidades para que os alunos trabalhem em parceria em tarefas que eles tenham de discutir, negociar, planejar e agir. O instrutor deve determinar as funções de cada membro do grupo para garantir que haja participação e interação equitativa entre os alunos (Targeted and Varied Teaching Techniques).

Por quê?: Melhora do desempenho dos alunos que trabalham cooperativamente na execução de um projeto e que possuem um objetivo em comum. Além dos resultados individuais acadêmicos serem superiores, habilidades sociais e de comunicação também são desenvolvidas quando o compartilhamento entre os alunos acontece na sala de aula.

Agora que você já sabe quais são e como utilizar algumas estratégias que vão te ajudar a melhorar os resultados conquistados pelos aluno da sua sala bilíngue, mãos à obra! Depois compartilhe conosco a sua experiência!

Adaptado de Howard, E. R., Sugarman, J., Christian, D., Lindholm-Leary, K. J., & Rogers, D. (2007). Guiding Principles for Dual Language Education (2nd ed.). Washington, DC: Center for Applied Linguistics.

By |2018-11-23T13:15:46+00:00março 16th, 2016|Dicas Práticas, Fundamentos, Orientações|0 Comentários

About the Author:

Deixar Um Comentário

This Is A Custom Widget

This Sliding Bar can be switched on or off in theme options, and can take any widget you throw at it or even fill it with your custom HTML Code. Its perfect for grabbing the attention of your viewers. Choose between 1, 2, 3 or 4 columns, set the background color, widget divider color, activate transparency, a top border or fully disable it on desktop and mobile.

This Is A Custom Widget

This Sliding Bar can be switched on or off in theme options, and can take any widget you throw at it or even fill it with your custom HTML Code. Its perfect for grabbing the attention of your viewers. Choose between 1, 2, 3 or 4 columns, set the background color, widget divider color, activate transparency, a top border or fully disable it on desktop and mobile.